Sistema Integrado de Informações sobre Desastres - S2ID

Publicação: 21/09/2012 | 13:58

Última modificação: 18/08/2017 | 09:11

A partir da primeira semana de abril o Sistema Integrado de Informações sobre Desastres - S2ID estará no ar em uma nova versão que disponibilizará - além dos módulos de reconhecimento federal - os planos de contingência, de resposta e recuperação e informações relevantes sobre desastres. É um Sistema de fácil consulta para o cidadão, organizado em uma ferramenta geo que permitirá aos gestores públicos e aos pesquisadores desenvolver o conhecimento na gestão de riscos e de desastres.

O S2ID integra diversos produtos da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil - Sedec, com o objetivo de qualificar e dar transparência à gestão de riscos e desastres no Brasil. O sistema conta hoje com mais de 8.000 usuários ativos, distribuídos em 3.686 municípios do país e, até o momento, era utilizado com o foco na solicitação do Reconhecimento Federal de Situação de Emergência e Estado de Calamidade Pública e no registro de danos e prejuízos causados por desastres.O grupo de consulta foi concluído a partir de pesquisa contratada pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil - SEDEC ao Centro Universitário de Estudos e Pesquisas sobre Desastres de Santa Catarina CEPED/UFSC e contém informações relativas a desastres produzidas nos últimos 20 anos. Essas informações estão disponíveis para qualquer interessado, no próprio Sistema, e continuarão a ser alimentadas pelos dados inseridos no S2ID.

Nesta nova versão, o S2ID incorpora, também, as transferências de recursos para as ações de resposta e recuperação, realizadas pela União, em apoio a Estados e Municípios atingidos por desastres. Em um processo totalmente informatizado, as solicitações são feitas através de formulários on line e encaminhados para a análise da Sedec. Assim, a troca de informações entre quem está solicitando apoio e quem está fazendo a análise se torna muito mais simples e ágil, fazendo com que a chegada dos recursos para atendimento à população afetada pelo desastre e à realização das obras necessárias para a recuperação de estrutura danificada por um desastre seja mais eficiente.

Além da solicitação e análise, as etapas de transferência dos recursos, de acompanhamento da execução e de posterior prestação de contas também serão realizadas no S2ID, aumentando a transparência e eficiência na aplicação dos recursos.

O S2ID conta também com o Módulo PLANCON - Planos de Contingência Municipais, uma ferramenta informatizada para a elaboração dos planos de contingência dos municípios. O Plano constitui um planejamento tático, concebido a partir de uma determinada possibilidade de desastre. Deve ser elaborado com antecipação, objetivando facilitar as atividades de preparação, e aperfeiçoar as ações de resposta a desastres, diminuindo o impacto na população afetada

Esta nova versão permitirá a visualização das informações através de um mapa, na tela de entrada do S2ID, com a possibilidade de identificação por toda a sociedade, dos municípios em Situação de Emergência e Estado de Calamidade Pública reconhecidos pela Secretaria, bem como informações a serem disponibilizadas com outras camadas que estão em desenvolvimento, como por exemplo, o acompanhamento dos recursos repassados. 

Com relação ao futuro do S2ID, encontra-se em desenvolvimento o módulo para informatização das ações preventivas em áreas de risco de desastres a ser disponibilizado em 2018.

 

Acesse

 

Manuais