Voltar

Governo Federal assegura mais R$ 70 milhões para obras da Adutora do Agreste em PE

Governo Federal assegura mais R$ 70 milhões para obras da Adutora do Agreste em PE

Quando concluída, 23 cidades receberão as águas do Eixo Leste do Projeto São Francisco. Em junho, oito municípios já serão atendidos
Por Assessoria de Comunicação

Publicação: 16/05/2018 | 18:38

Última modificação: 25/05/2018 | 13:41

Brasília-DF, 16/5/2018 - As obras da Adutora do Agreste, localizadas próximo à cidade de Arcoverde, no interior de Pernambuco, serão intensificadas. Isso porque o Governo Federal assegurou mais R$ 70,3 milhões ao empreendimento hídrico. O compromisso foi feito pelo ministro da Integração Nacional, Pádua Andrade, ao governador do Estado, Paulo Câmara, durante audiência realizada nesta quarta-feira (16), em Brasília (DF). Na ocasião, o titular da Pasta informou que o empenho dos recursos da União será feito nos próximos dias.

A partir das águas do Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco, a adutora abastecerá, ao todo, quase 1,3 milhão de pessoas na região Agreste do estado. A previsão é de chegar a oito municípios e cerca de 300 mil pessoas já no próximo mês de junho. O empreendimento é executado pelo governo de Pernambuco com apoio financeiro do Ministério da Integração Nacional. No total, a Adutora do Agreste possui R$ 150,2 milhões garantidos pelo Ministério para este ano.

Durante reunião, o ministro Pádua Andrade ainda detalhou as ações que estão sendo feitas pelo Governo Federal para beneficiar a população pernambucana. "Não faltou recurso para a adutora e não faltará. Além disso, também iniciamos em fevereiro as obras do Ramal do Agreste", destaca.

Ampliação de repasses

Em 2016 e 2017, o Ministério da Integração Nacional ampliou os repasses financeiros à Adutora do Agreste. O aumento médio anual foi de 52,4% em relação ao volume pago em 2015. Somente no ano passado, a adutora recebeu R$ 194 milhões federais. Já em 2016, os investimentos foram de R$ 136,6 milhões, enquanto em 2015 somaram R$ 94,7 milhões.

Ramal do Agreste

O Ramal levará água de boa qualidade para consumo humano em toda a região Agreste de Pernambuco. Serão beneficiados mais de dois milhões de habitantes em 72 municípios do estado - após a interligação à Adutora do Agreste. O trecho possui 70 quilômetros de extensão, incluindo canais, túneis, aquedutos, estação de bombeamento e barragens. O empreendimento vai captar a água no reservatório Barro Branco, do Eixo Leste do Projeto São Francisco, em Sertânia (PE). De lá, as águas do Velho Chico atravessarão a serra Pau do Arco até o açude de Ipojuca, em Arcoverde (PE).

Projeto São Francisco

Também foi pauta do encontro o novo ritmo de obras do Eixo Norte do Projeto São Francisco, que contará com mais 1.200 trabalhadores na etapa 1N até o final deste mês. A estrutura será finalizada neste ano e beneficiará a população de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte. Cerca de 7 milhões de pessoas serão contempladas nesses estados. Leia mais.